Press Releases

ARTE PELA ARTE, UM MOVIMENTO DE DESEMPAREDAMENTO

2023-03-3

Lionesa Group traz “Transformação” para a Rua do Loureiro, inaugurando programa de arte pública em parceria com a FBAUP.  

 
Obra “Transformação” vai ser inaugurada no dia 3 de março, às 17h30 

  

Depois do investimento em edifícios na histórica Rua do Loureiro, no Porto, emparedados transitoriamente por segurança sanitária e orientações municipais, o Lionesa Group começa a intervenção de requalificação do edificado da Rua do Loureiro, abrindo a rua à cidade através do movimento Arte pela Arte, em parceria com a Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto (FBAUP). 

Em causa está uma iniciativa que procura devolver a identidade e sotaque a esta artéria, trazendo ao Loureiro cinco intervenções, uma vez por mês, até julho, por estudantes de Artes Plásticas. 

 

“Transformação” é o nome da primeira intervenção artística que vai nascer, já este mês, na Rua do Loureiro, e que pretende pensar o modo como os espaços se vão alterando. Da autoria de Rafael Alves, artista recém-formado em Pintura pela instituição de ensino portuense, a obra, que vai juntar materiais recolhidos na própria rua, pintura e grafitti, representará “um diálogo com os materiais e com a sua temporalidade, onde objetos anteriormente votados à sua obsolescência são recuperados e novamente devolvidos à comunidade através da arte”.  

Este movimento que pretende incentivar o uso da arte como motor de regeneração, convida todos a dar pela arte o que têm de mais único: o seu nome. A publicar uma foto do Loureiro, de outra rua esquecida, de uma qualquer fábrica abandonada ou mesmo de algo que para quem vê seja menos do que podia ser, com o hashtag #OTeuNomePelaArte e assim, aderir ao movimento. 

 

“Quem hoje olha para este núcleo da história do Porto nem sempre percebe o imenso valor que tem.  A Rua do Loureiro, situada em casco medieval é património classificado pela UNESCO e uma das mais antigas artérias da cidade, sendo hoje a rua visível mais invisível.  É exatamente a este esquecimento que se pretende por fim, abrindo a rua a todos através da arte. Enquanto consolidamos e construímos o projeto de requalificação, abrimos e transformarmos o emparedamento e a rua num local de troca de ideias, culturas e memórias.” , adianta Francisca Pedro Pinto, Diretora de Marca e Desenvolvimento de Negócio no Lionesa Group.   

“O projeto vai permitir um complexo pensamento sobre o papel do ensino artístico, criação artística, e cultura como agente de intervenção, possibilitando sobretudo um diálogo transdisciplinar com o território e os seus atores. Para os estudantes da FBAUP é uma oportunidade de pensar o seu papel ativo, ao mesmo tempo que se deparam com o impacto direto que esta iniciativa vai envolver: o impacto com o local físico e imaterial, com a complexidade da comunidade, com o manifesto político ou apolítico, com a visibilidade e sobretudo com a invisibilidade que sempre caracterizou a zona da Rua do Loureiro, ao longo dos séculos da sua existência”, realça Domingos Loureiro, diretor da licenciatura em Artes Plásticas e coordenador do projeto Ground LAB 2021/24. 

Convidam-se os órgãos de comunicação social a estarem presentes na inauguração da obra “Transformação”, na Rua do Loureiro, pelas 17h30.  

  

PROGRAMA 

2 de março 

09h30-12h30 - Início dos trabalhos da obra “Transformação”

3 de março 

09h30 – Continuação da realização dos trabalhos

17h30 – Inauguração da obra “Transformação”

image (1) - Cópia